Arquitetura e Urbanismo e Engenharia Civil

Quais as principais diferenças entre os cursos?

05/07/2019
Por: Lucimara Juver
As duas profissões costumam ser confundidas, pois agem de forma conjunta, mas de maneiras diversas. (Foto: rawpexels)

Todo profissional de sucesso com certeza já foi um jovem cheio de dúvidas e questionamentos, principalmente quando o assunto é qual profissão seguir. Ficar inseguro faz parte da realidade de muitas pessoas na hora de tomar a decisão que irá impactar um dos grandes aspectos da sua vida. É normal que surjam dúvidas, principalmente quando você notar que são inúmeras as opções disponíveis dentro de cada área de atuação.

Antes de tomar a decisão é importante pesquisar a fundo as características de cada curso ofertado e quais as habilidades exigidas por cada profissional no mercado de trabalho. Queremos esclarecer uma dúvida muito comum quando o assunto são os profissionais de Arquitetura e Urbanismo e Engenharia Civil: ambos podem atuar no planejamento e execução de obras, mas possuem papéis distintos. Então, quais são as diferenças entre Arquitetura e Urbanismo e Engenharia Civil

 

Arquitetura e Urbanismo 

 

 

O profissional formado neste setor possui uma visão mais global das edificações, tendo preocupação especial com o conforto e bem-estar das pessoas, além da estética da obra. Nessa área, o profissional pode atuar em diversos segmentos, como: projetar e executar obras residenciais, comerciais, institucionais e industriais. Desenvolver projetos de interiores, projetos de paisagismo, de desenho urbano ou de planejamento urbano e regional. A profissão também possibilita atuar em campos mais específicos, como habitação social, conforto térmico, acústico e lumínico, conservação e preservação de patrimônio histórico e cultural, design gráfico, projetos de acessibilidade, comunicação visual e consultoria, assessoria e de gerenciamento de obras. 

 

Quer saber mais sobre o curso de Arquitetura e Urbanismo da Unochapecó? Baixe grátis o eBook do curso

 

O profissional de Arquitetura tem uma preocupação especial com qualidade técnica e estética, conforto e funcionalidade para melhorar a qualidade de vida das pessoas.

 

Engenharia Civil

 

 

Essa área de atuação exige do profissional um amplo conhecimento matemático, bem como conceitos da química e física. Em relação à matemática, que normalmente é a disciplina que mais assusta, você não precisa ser fera para cursar engenharia: muitos alunos se tornam melhores neste ramo do conhecimento com a prática durante a graduação. 

No campo da Engenharia Civil, alguns profissionais podem projetar e executar edifícios, túneis, estradas, residências, espaços de lazer e convivência. Obras que vão encurtar distâncias, facilitar o acesso e garantir mais conforto em espaços residenciais e de trabalho são uma das principais atribuições do profissional que irá atuar como engenheiro civil. Este profissional desenvolve e executa projetos e deve levar em consideração os impactos ambientais e a segurança das pessoas, tanto na fase de construção quanto na ocupação dos espaços prontos.

 

Saiba mais sobre o curso de Engenharia Civil. Clique aqui e baixe o eBook grátis!

 

O engenheiro atende as demandas na área da construção civil e trabalha com alguns materiais como concreto, aço e madeira, por exemplo. Além de ser responsável por projetos, fiscalização das obras, acompanhamento e gestão de edificações. 

 

 

Ok, agora que você tem uma base do que cada profissão apresenta, separamos ainda uma tabela que poderá te ajudar a entender melhor a diferença entre as profissões.

 

Arquitetura e Urbanismo

Engenharia Civil

É um ramo das sociais aplicadas, e por isso aborda tanto o conhecimento sobre sociologia e antropologia quanto o embasamento para realizar cálculos e definir a viabilidade  dos seus projetos; É um ramo das exatas e ambientais. O profissional possui profundos conhecimentos de física, habilidades de cálculo e técnicas para a resolução de problemas enfrentados pela sociedade;
Tem preocupação especial com acessibilidade, paisagismo, sustentabilidade e funcionalidade; Sua maior preocupação é proporcionar segurança às pessoas e facilitar suas vidas;
Pode atuar na restauração do patrimônio histórico; Pode atuar na elaboração e execução de projetos de estradas, pontes, viadutos, portos, aeroportos, barragens e túneis;
Desenvolve projeto e executa desde casas, edifícios em altura, hospitais, até traçados urbanos, assim como áreas verdes, ambientes comerciais, comunicação visual e mobiliário; Pode elaborar e executar projetos de edificações residenciais, comerciais, institucionais e industriais, envolvendo fundação, estrutura e instalações elétrica, hidráulica e de esgotos;
Analisa iluminação, ventilação e acústica das edificações; Pode atuar em projeto e execução de instalações de prevenção contra incêndio, obras de drenagem pluvial e redes de abastecimento;
Tem registro profissional controlado pelo CAU - Conselho de Arquitetura e Urbanismo. Tem registro profissional controlado pelo CREA - Conselho Regional de Engenharia e Agronomia.

 

 

Ambos os cursos têm duração média de cinco anos e recebem titulação de bacharel. Esses profissionais exercem um papel fundamental na sociedade, pois quase tudo em nosso entorno é projetado por eles, como os meios rodoviários, aeroportos, pavimentação, edifícios e praças, por exemplo, que são obras elaboradas por arquitetos e engenheiros civis.

Ao decidir qual área deseja seguir, é necessário levar em conta todos os aspectos de cada profissão para então definir qual curso você se identifica mais. Pronto para escolher entre Arquitetura e Urbanismo ou Engenharia Civil? Se você ficou com alguma dúvida, deixe nos comentários que respondemos ;)

 

 

comments powered by Disqus