Webmail
Menu Busca

Empresa incubada na Uno lança aplicativo de gestão da Chape

Inovação

Texto Ana Paula Dornelles*

 

Futebol é muito mais do que bola, dribles e gols. Exige também organização e planejamento. Por esse motivo, a Incubadora Tecnológica da Unochapecó (Inctech), juntamente com a SportsBR Tecnologia e com apoio tecnológico da BeatsCode, que são empresas incubadas, lançou o aplicativo BestCore. Disponível tanto para web quanto para Android e iOS, o software tem como proposta oferecer soluções voltadas à operacionalização diária e administração do departamento de futebol. Dessa forma, é possível proporcionar aperfeiçoamento e modernização na gestão dos clubes. A Chapecoense foi o primeiro time esportivo a experimentar o aplicativo e se mostra contente com os resultados alcançados.

A ideia começou a ser desenvolvida em 2015. De acordo com um dos empreendedores do projeto, Rodrigo Juko, no primeiro momento o BestCore foi criado para melhorar a qualidade informacional do departamento de futebol da Chapecoense. Antes, a informação interna era praticamente offline, com uso de papel e planilhas eletrônicas, o que dificultava o acesso e oferecia informações incompletas. "Avaliando as necessidades apresentadas pelo Clube na época, acabamos detectando um mercado que poderia ser explorado através de softwares e ferramentas para gerenciamento técnico de clubes de futebol, podendo futuramente ser estendida a outras modalidades esportivas", comenta.

A inovação que a ferramenta propôs ao mercado esportivo fez com que, em 2016, o projeto fosse agraciado entre 1,7 mil ideias de negócios como uma das 100 soluções mais promissoras pela Sinapse da Inovação SC. Com uma bolsa de investimentos para o desenvolvimento da proposta, a equipe da SportsBR pôde visitar outros clubes e fazer apresentações in loco para os futuros clientes. Hoje, outros dois times se tornaram parceiros e novas propostas já estão em andamento. "Está bem bacana a aceitação do software, porque é uma coisa nova. Eles evitam, por exemplo, o retrabalho em planilhas de Excel, Word, ou em papel, como é feito hoje", acrescenta Rodrigo.

Entre as soluções que o aplicativo oferece, está o planejamento semanal, logística e programação de viagens e concentrações para jogos em casa. Além disso, o software possibilita gerenciar convocações, controle de cartões e scouts de atletas.

Ainda de acordo com Rodrigo, o próximo passo é desenvolver controles referentes ao departamento de saúde. Assim, será possível gerenciar questões como prontuários médicos dos jogadores, acompanhamento das fisioterapias individuais, evolução de tratamentos e recuperação pós-jogos, treinos e a parte nutricional. Todas as funcionalidades já integradas podem ser acessadas a qualquer hora e lugar, pelos atletas, diretores e comissão técnica.

 

Avaliação da Chape

Para o supervisor da Chapecoense, Michel Gazola, o aplicativo desenvolvido agregou mais facilidade e praticidade ao trabalho. De acordo com ele, as principais dificuldades enfrentadas pela Chapecoense, anteriormente, eram relacionadas à comunicação interna e sua agilidade e à unificação de informações. Depois da implementação, a base de dados se tornou bastante precisa. "Temos como trabalhar com números e dados com mais segurança e agilidade. Nossa comunicação ficou mais rápida e fácil, sem contar a acessibilidade que o aplicativo proporciona", pontua Michel.

Para os atletas, a principal vantagem está nas informações acessadas.  “Os atletas, os diretores e a comissão técnica do clube recebem as programações semanais e ainda a convocação para jogos, programações de viagens e concentrações, tudo via aplicativo. A uniformidade da informação é o grande ponto para os atletas, bem como a praticidade do software", conclui Gazola.

 

Novidades

Nas últimas semanas o aplicativo lançou uma novidade, o módulo 'Pré-jogo'. Com ele, a equipe de análise de desempenho do clube poderá disponibilizar uma avaliação do adversário por meio de vídeos, imagens e textos aos jogadores e à comissão técnica. "Assim, é possível munir os atletas com vídeos e dados técnicos de como o clube adversário se organiza taticamente e ainda informações individualizadas de como jogam os laterais, meias e atacantes adversários, por exemplo", explica Rodrigo.

         

*Estagiária, sob orientação de Greici Audibert.
COMPARTILHE
TAGS
Unochapeco
Tecnologia
Futebol
Chapecoense
Aplicativo

LEIA TAMBÉM

comments powered by Disqus