Webmail
Menu Busca

Estudantes aprofundam conhecimentos na área da fisioterapia oncológica

Saúde

Texto Ana Vertuoso e Vanessa Marquezzan*

 

A saúde é uma questão que preocupa a população, especialmente porque convivemos com um grande número de doenças. Entre elas, a que mais nos aflige é o câncer, que se não diagnosticado e tratado no início, diminui as chances de vida do paciente. Um dos tratamentos realizados nesta área é a fisioterapia oncológica, utilizada para auxiliar na recuperação e bem-estar dos pacientes. Para aprofundar os conhecimentos nessa área, os acadêmicos do curso de Fisioterapia participaram ontem (20/03), durante a Semana Acadêmica, de uma palestra sobre o tema com o professor do curso, especialista na área, Mark Mazaro.

Segundo dados apresentados por ele, no Oeste catarinense, os tipos de câncer mais comuns são o de próstata e de mama, além do câncer de pulmão e no sistema gastrointestinal. Tanto a doença quanto os tratamentos utilizados no paciente ocasionam limitações nas atividades diárias, na respiração, na motricidade, entre outras. "Nestes casos, a fisioterapia oncológica é muito importante, pois o fisioterapeuta entra neste contexto avaliando e tratando esses distúrbios funcionais para dar uma melhor qualidade de vida ao paciente", comenta.

A fisioterapia oncológica não é uma área nova, mas aos poucos vem se fortalecendo. O intuito é mostrar aos estudantes mais um espaço de atuação com grande demanda de profissionais.

"O curso de Fisioterapia da Unochapecó foi o pioneiro no Brasil a implementar a disciplina de 'Fisioterapia na Oncologia' em sua grade. A partir da nossa Instituição, outras universidades também colocaram esta matéria, porque antes ela só fazia parte do quadro de disciplinas da pós-graduação. Desde então, o curso forma profissionais com práticas em hospital e na clínica escola, através dos estágios. Hoje, muitos fisioterapeutas formados aqui atuam especificamente nessa área", relata o professor Mark.

 

Dois dias de aprendizado

A Semana Acadêmica, que aconteceu nos dias 19 e 20 de março, é uma forma de proporcionar a troca de experiências e também a integração das turmas. Através de palestras e cursos, os estudantes puderam adquirir novos conhecimentos e tiveram a possibilidade de se aprofundar mais em suas áreas de preferência.

Essa foi a primeira Semana organizada pelo Centro Acadêmico (CA) de Fisioterapia, em parceria com a coordenação. "Com palestras e minicursos, nós tratamos de alguns temas como neurociência da dor, acupuntura, anatomia muscular, LPF e, agora, oncologia", explica o presidente do CA, Nathan Bollis. Ele destaca, ainda, que os temas foram escolhidos pelos estudantes através de uma enquete online.

Junto com a Semana Acadêmica, foi realizada a aula inaugural do curso como palestra de abertura. A maioria das atividades foram ministradas pelos próprios egressos que estão inseridos no mercado de trabalho. "Buscamos privilegiar os nossos egressos e trazer o conhecimento aqui da nossa região, com profissionais da cidade. As atividades foram bem avaliadas pelos nossos estudantes e com isso vemos que o objetivo do evento foi atingido", finaliza a coordenadora do curso, professora Indiamara Silvani.

 

*Estagiárias, sob a supervisão de Jessica De Marco

COMPARTILHE
TAGS
Unochapeco
Semana academica
Fisioterapia oncologica
conhecimento

LEIA TAMBÉM

comments powered by Disqus