Webmail
Menu Busca

Preço do cesto básico em Chapecó tem maior aumento desde 2017

Mercado

De acordo com os dados levantados pelo curso de Ciências Econômicas da Unochapecó, em parceria com o Sicom, houve aumento de 6,78% no preço do cesto de produtos básicos no mês de janeiro. Foi o maior registrado desde abril de 2017, quando o percentual de elevação atingiu 8,83%.

No primeiro mês de 2021, o preço do cesto de produtos básicos para os chapecoenses passou para R$ 1.751,25, enquanto em dezembro era R$ 1.640,04. Na comparação com janeiro de 2020, quando o valor levantado foi de R$ 1.376,19, houve aumento de 27,25%.

Os maiores aumentos que contribuíram para a alta do preço final do cesto foram da batata inglesa, com acréscimo de 62,53%, e da cebola, que ficou 57,99% mais cara. Segundo informações do site HF Brasil, a batata seguiu uma tendência forte de alta no decorrer de dezembro, pois o nível de chuvas dificultou a colheita do tubérculo. Ainda, segundo informações do site, no início de janeiro houve redução no preço da batata, mas que não foi suficiente para balancear a alta observada anteriormente.

Já os produtos que mais apresentaram redução de preço neste mês foram a banana (-5,91%) e o pão francês (-3,87%).  No mês de dezembro, a fruta havia apresentado um aumento de 49,60%, e segundo o site HF Brasil, o patamar de preços elevado em que se encontrava o produto foi responsável por uma redução na sua demanda, e consequentemente os preços abaixaram neste mês para estimular a procura. Ainda tratando das reduções, o pão francês acumulou alta nos últimos dois meses, e essa redução pode ter surgido para reequilibrar a demanda e a oferta em um preço mais próximo da média dos últimos 12 meses.

A pesquisa também consta da síntese dos preços registrados em Chapecó para os 13 produtos que compõem a cesta básica. De um custo de R$ 424,17 em dezembro, a cesta básica passou para R$ 450,68, com aumento de 6,25%. Se comparado os últimos 12 meses da cesta básica, nota-se aumento de 37,65%. 

COMPARTILHE
TAGS
Unochapeco
Ciencias economicas
Cesto basico
Cesta basica
Alta histórica

LEIA TAMBÉM

comments powered by Disqus