Webmail
Menu Busca

Professores desenvolvem ideias inovadoras durante o 1º Desbravador Master

Inovação

Texto Gabriel Kreutz*

 

Estamos apenas no segundo mês de 2019, mas muitas ideias inovadoras já estão saindo do papel aqui na Unochapecó. Um exemplo é o projeto 'Mary - Avental Inteligente', criado pelos professores Angélica Luersen, Cristiani Fontanela, Samuel Zuge e Henrique Neto durante o 1º Desbrador Master. A ideia consiste num avental hospitalar inteligente, que tem uma funcionalidade e desenho inovador.

"Ele tem aberturas laterais que visam facilitar o trabalho do enfermeiro, principalmente no manejo de acessos venosos, e ao mesmo tempo no deslocamento do paciente. Além disso, como ele é fechado atrás, evita constrangimentos. O projeto envolve a utilização de um não-tecido com tratamento de nanopartículas, que diminui muito o risco de infecção e é 50 vezes mais durável que um avental de algodão comum", explica o professor Henrique.

Ele destaca que a experiência de participar do evento foi muito satisfatória, pois foi possível gerar e validar ideias, por meio de uma metodologia rápida e ágil. "Acredito que o Desbravador tem muito a contribuir no sentido de estabelecer uma cultura de empreendedorismo, que visa a inovação e o desenvolvimento socioeconômico, alinhado com a pesquisa acadêmica". Henrique conta, ainda, que foi essencial participar de uma equipe interdisciplinar, e assim conversar com profissionais de diferentes áreas.

Foto O evento ocorreu durante a última quarta e quinta-feira (06 e 07/02) dentro do 16º Ciclo de Estudos. Também foi premiado com o segundo lugar a equipe 'Soter Colchão Inteligente', formada pelos professores Arlete Ferrari Rech Medeiros, Adriana Gasparetto Soletti, Adrean Scremin Quinto, Karen Cristina Kades Andrigue, Viviane Duarte Bonfim, Yuri Daniel Moratelli e Walter Strobel Neto. O terceiro lugar ficou com a equipe 'Plataforma de Metodologias Ativas', composta pelos professores Duilio Pedro Schaefer Junior, Gilseli Aparecida Molozzi, Daiane Deon Borso, Givanildo Silva, Marcos Vinicius Perini e Simoni Aparecida Fortes de Jesus.

Além da incubação dos projetos na Incubadora Tecnológica da Unochapecó (Inctech), foi entregue aos vencedores a premiação de R$ 1.500 para o primeiro lugar, R$ 1.000 para o segundo e R$ 500 para o terceiro. Ao todo, participaram 75 professores, que trouxeram 30 ideias, das quais foram selecionadas nove para competirem entre si.

 

Empreendedorismo na prática

Para a coordenadora da Inctech, professora Franciele Pastre, o projeto serve como um incentivo para que os professores de diversas áreas dialoguem e criem novas ideias. "Eles trouxeram problemas do cotidiano deles, da sala de aula e da própria Universidade, formaram as equipes e trabalharam em soluções para estas questões. Primeiro tiveram que validar o problema, para identificar se de fato é relevante. Depois construíram uma solução inovadora, fazendo a modelagem da empresa, e a apresentação da empresa para uma banca de jurados, para depois ser definido as três melhores ideias", explica.

Ela relata, ainda, que o feedback dos professores foi muito positivo, pois muitos ainda não haviam participado deste formato de evento. "Muitos deles me contaram que não esperavam ser tão legal, que não viram o tempo passar e isso é um diferencial, pois eles não vieram aqui para assistir uma palestra, eles vivenciaram na prática a experiência". A professora conta que a partir de agora os professores passam a ser disseminadores do empreendedorismo entre os estudantes, para que estes busquem solucionar problemas das áreas de estudo e da sociedade.

Foto A Unochapecó, por toda sua trajetória, foi certificada em 2018 com o selo de Universidade empreendedora pelo Ministério da Educação (MEC). É por esse motivo, de acordo com o diretor de Inovação e Empreendedorismo da Unochapecó, professor Rodrigo Barichello, que o Desbravador Master busca disseminar a cultura de empreendedorismo e inovação para os docentes da Uno. "Os professores estão cada vez mais engajados e motivados em levar aos alunos a importância de inovar e empreender, seja no seu trabalho, na sua vida ou no seu próprio negócio. Nestes dois dias de imersão eles vivenciaram o empreendedorismo na prática e visualizaram o quão eficaz é  o trabalho multidisciplinar para a resolução de problemas", complementa o professor.

Segundo o reitor da Universidade, professor Claudio Jacoski, a Uno já desenvolve várias atividades de inovação e empreendedorismo, mas sempre voltadas para os estudantes. "Agora, durante o Desbravador Master, os professores de diversos cursos tiveram contato com este formato de atividade. O evento foi um sucesso, tivemos mais de trinta horas de atividades, com uma intensidade incrível. Isso mostrou que existem metodologias diferentes que podem ser aplicadas dentro da sala de aula, usando a criatividade e a vontade de ser desafiado", finaliza o reitor.

 

*Jornalista do Núcleo de Produção de Conteúdo (NPC) - Unochapecó
COMPARTILHE
TAGS
Unochapeco
Tecnologia
Inovacao
Inctech
Empreendedorismo
Desbravador master

LEIA TAMBÉM

comments powered by Disqus