Webmail
Menu Busca

Série de atividades destaca a promoção da saúde da mulher na Unochapecó

Saúde

Texto Ionara Virmes*

 

O câncer que mais atinge mulheres no Brasil é o de mama. Porém, quanto mais cedo for o diagnóstico, a cura pode tornar-se mais eficaz. E, apesar do cuidado ser essencial sempre, outubro é o mês internacional de conscientização de detecção precoce do câncer de mama. Por conta disso, o sexto período do curso de Enfermagem da Unochapecó, em parceria com a Rede Feminina de Combate ao Câncer e o setor de Serviço Especializado de Segurança e Medicina do Trabalho (SESMT) da Unochapecó, elaborou ações educativas e de cuidados para a promoção à saúde da mulher.

Esse ano, a campanha 'Seja luz por onde você passar' tem como símbolo o girassol, o qual representa vitalidade e energia. E foi nesse contexto que as atividades foram desenvolvidas. Entre as já realizadas estão capacitações educativas para a comunidade, distribuição de flyers educativos e sessões de fotos monocromáticas para as mulheres mastectomizadas do Programa Viver Melhor (Provim). Além dessas, foram pintadas 'Asas do Cuidado' pela acadêmica Ediane Hinterholz, no Bloco D da Uno e espaço externo da Rede Feminina.

A coordenadora do projeto, professora Jucimar Frigo, conta que as asas tem como intuito a promoção de saúde, o autocuidado e a sensibilização das mulheres chapecoenses quanto a importância dos exames que podem diagnosticar o câncer de mama e o de colo de útero.

"A ideia é que todas as pessoas que registrarem uma foto em frente das 'Asas do Cuidado' possam compartilhar nas redes sociais, marcando a Rede Feminina e a Unochapecó, sensibilizando de forma coletiva sobre a campanha. E no dia 30 de outubro, irão concorrer a inúmeros prêmios que serão sorteados", conta.

A turma responsável pelo projeto conta com trinta e sete alunas, dentre estas estão Gabrieli Possebon e Ianka Andressa Kunrath. Durante a disciplina 'Enfermagem em Atenção Primária III: Saúde da Mulher', foram formados grupos para a prática dos projetos discutidos em sala de aula. Gabrieli e seu grupo, entre outras atividades, realizaram as capacitações na cidade sobre a prevenção do câncer de mama e de colo de útero.

O grupo de Gabrieli realizou capacitações sobre a prevenção do câncer de mama

"Mesmo tendo participado de diversas ações de proporções maiores, a que mais me marcou foi a roda de conversa em uma comunidade carente no interior de Chapecó, onde a realidade fez com que mudássemos todas as nossas propostas iniciais para a conversa. Percebemos o quão longe podíamos chegar com a enfermagem, quantas mulheres podemos ajudar com alguns minutos de conversa e o quão importante é olhar e entender o outro, passar uma mensagem positiva e deixar marcas na vida dessas pessoas", relata Gabrieli.

Já a equipe de Ianka foi responsável pela sessão de fotos monocromáticas com o grupo Provim. As fotos foram feitas pela fotógrafa Karen Raquel, no dia 15 de setembro, com 27 mulheres mastectomizadas. A estudante conta que, devido a divulgação dos projetos desenvolvidos pela Rede Feminina pela fotógrafa, a ação proporcionou grande procura por pessoas que acompanhavam o trabalho de Karen para a doação de alimentos para a Organização. "Ter participado dessa campanha, fazer um pouco por essas mulheres, só me deu mais certeza do curso que eu escolhi. Eu amo fazer parte dessas ações, por menor que sejam, se conseguir atingir o objetivo já vale a pena. A Universidade é o início do que vamos fazer e o que seremos na vida profissional, a Enfermagem é promover saúde", salienta.

Outras ações

Ainda durante o mês rosa, a Universidade promoverá, em parceria com a Rede Feminina, a palestra 'Do diagnóstico precoce à cura, a experiência de viver um câncer de mama'. O evento acontecerá hoje (19/10), às 19h30 no Hotel Lang Palace e terá como palestrante Maikelli Simes. As inscrições são limitadas e estão sendo feitas por meio do Google Formulários. A palestra também será promovida amanhã (20/10) às 15h, no Plenário do Bloco G na Unochapecó, em parceria com o SESMT, Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (Cipa) e o Programa de Qualidade de Vida no Trabalho (Unovital). As inscrições para a Roda de Conversa podem ser realizadas por meio do Google Formulários. 

No dia 20, acontecerá uma palestra específica para acadêmicos de enfermagem: 'Câncer de Mama: Conhecer para Prevenir' ministrada por Bernardo Perin, onde será tematizado o diagnóstico, exame clínico e interpretação de exames citopatológicos. Esta, será realizada via Google Meet e está com inscrições abertas no site da Uno.

Fique atenta aos sintomas e tratamentos!

A professora Jucimar pontua que, em 90% dos casos, o câncer de mama tem como principal sintoma o aparecimento de nódulos na mama. Além disso, pode apresentar assimetria, retração do mamilo, pele de coloração alterada - podendo estar vermelha, coceira frequente, líquidos que extravasam e a inversão súbita do mamilo.

A forma mais eficaz da cura começa com o diagnóstico precoce, para tal, é recomendado o autoexame. "Não tem uma técnica específica, o importante é que qualquer descoberta casual, pequenas alterações na mama, seja valorizada. Isso nós chamamos de consciência da mama. Quando algo diferente for notado, é importante a procura por um profissional da saúde para realizar um diagnóstico precoce e o tratamento oportuno", ressalta.

 

*Estagiária sob supervisão de Gabriel Kreutz

COMPARTILHE
TAGS
Saúde
Outubro rosa
Conscientização
Autocuidado

LEIA TAMBÉM

comments powered by Disqus