Webmail

Cuidado com os e-mails falsos.

Lembre-se: a Unochapecó jamais solicitará sua senha por e-mail ou por telefone.

Viveiro Educativo: Semeando Vidas

Descrição

O projeto "Viveiro Educativo: semeando vidas" caracteriza-se como um trabalho intervencionista de Educação Ambiental e Divulgação Científica e tem como objetivo ampliar o conhecimento sobre o bioma Mata Atlântica do Sul do Brasil, com ênfase na biodiversidade regional, via ações extensionistas de educação, comunicação ambiental e o enriquecimento biológico dos espaços escolares. O projeto visa a conservação ambiental, a popularização da ciência e a criação de espaços que possibilitem a sensibilização e a reflexão ambiental. Serão realizadas treze (13) oficinas e um evento de socialização. O projeto acontecerá em 2015, sendo que as oficinas serão destinadas aos estudantes do 7° ano do ensino fundamental de duas escolas municipais. Em cada oficina serão trabalhadas diferentes temáticas ligadas à biodiversidade regional, conservação, percepção e educação ambiental. Ao final de cada oficina, os participantes farão uma avaliação das atividades. A base para as oficinas serão as pesquisas realizadas com a fauna e flora da Mata Atlântica do Sul do Brasil, desenvolvidas pelos docentes envolvidos nos cursos de Agronomia e Ciências Biológicas, e o Programa de Pós-Graduação em Ciências Ambientais da Unochapecó. Será elaborado um material didático sobre as temáticas das oficinas com o intuito de favorecer a aprendizagem, a experimentação e o desenvolvimento da Educação Ambiental voltada para a ação pedagógica. Espera-se que a partir desse projeto as escolas intensifiquem ações sobre a importância da diversidade biológica e a adoção de medidas voltadas à conservação. É imprescindível a inclusão da comunidade nas ações da escola e a valorização da presença da escola na solução dos problemas locais, resultando daí um compromisso mútuo (escola e comunidade), com a compreensão e solução compartilhada de problemas relacionados com a conservação da biodiversidade, o que representa um importante aprendizado de cidadania. O projeto poderá despertar nos professores o interesse no desenvolvimento de ações abertas à participação da comunidade, acolhimento de grupos e lideranças locais para discussão de temáticas, promoção de aulas abertas, atividades de campo, oficinas, entre outros. Estes são exemplos de ações que podem ajudar a tornar a escola um espaço socioambiental, aberto ao diálogo com a sociedade.

Relevância

Ampliar o conhecimento sobre o bioma Mata Atlântica do Sul do Brasil, com ênfase na biodiversidade regional, via ações extensionistas de educação, comunicação ambiental e o enriquecimento biológico dos espaços escolares, visando a conservação ambiental, a popularização da ciência e a criação de espaços que possibilitem a sensibilização e a reflexão ambiental.

Equipe

Nome Atividade
Ana Cristina Confortin Coordenador do Projeto