Minha Uno
Webmail
Menu Busca

CEOM terá nova sede no campus da Unochapecó

Comunidade

Desde 1986, o Centro de Memória do Oeste de Santa Catarina (CEOM) atua na manutenção e na preservação de informações valiosas sobre o passado da nossa região. Através de diferentes atividades e por meio de estudantes, pesquisadores, mestres e doutores, o CEOM conta com acervos históricos e arqueológicos, com uma grande variedade de materiais disponíveis para a comunidade acadêmica.

O Centro de Memória fica localizado, atualmente, no segundo andar do Terminal Rodoviário de Chapecó - mas esse cenário deve mudar muito em breve. Está prevista para os próximos meses a instalação do CEOM no campus da Unochapecó, no bairro Efapi. A mudança promete aproximar ainda mais os estudantes dos acervos históricos. 

>> Leia mais: Há 35 anos preservando a história e o patrimônio cultural do Oeste catarinense <<

O espaço para a nova sede está em obras no Bloco R e possibilitará melhores condições para a salvaguarda do cabedal histórico do CEOM. Além disso, a ideia é integrar as ações educativas com outros espaços culturais já atuantes no campus. Quem explica sobre a mudança é a coordenadora do projeto, professora Mirian Carbonera. “Desde 2004, o Centro estava instalado em local cedido pelo município. Porém, prevendo a ampliação das ações de salvaguarda de acervos, de pesquisa e de atendimento ao público, foram iniciadas tratativas para a transferência do CEOM para uma sede própria”, esclarece.

A realização do projeto foi viabilizada por meio de investimentos institucionais da Fundeste e da captação de recursos, dentre os quais, um valor de 300 mil reais, do Fundo Municipal Reconstituição dos Bens Lesados (FMRBL) por meio do Termo de Colaboração n. 031/2022, firmado em 28 de junho de 2022 entre a Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento, do Município de Chapecó, e a Fundação Universitária do Desenvolvimento do Oeste (Fundeste), CNPJ 82.804.642/0001-08. 

O recurso será aplicado na reforma e readequação do espaço físico para implantação do CEOM, e na implantação em si, por meio da transferência e instalação dos laboratórios, dos acervos e das exposições, a mudança propriamente dita. Além disso, o projeto deve contribuir para a produção e exibição de exposições de longa duração que serão instaladas no Plenário do bloco R da Unochapecó.

De acordo com a Pró-reitora de Pesquisa, Extensão e Pós-graduação da Universidade, professora Andrea Leite Marocco, a mudança de ‘casa’ do CEOM deverá ampliar as visitações e, com isso, potencializar a difusão do acervo histórico-cultural.

“Estamos extremamente felizes com a vinda do CEOM para a Unochapecó. Trata-se de projeto de extensão que possui um enorme reconhecimento no âmbito interno e externo da Universidade e que agora estará ainda mais próximo da comunidade acadêmica. Pretendemos ampliar as oportunidades para a pesquisa, para o ensino e para a extensão tanto no âmbito da Universidade quanto para todo o Estado de Santa Catarina. Valorizar nossa cultura, nossas origens, nossa história, por certo nos torna mais fortes para viver o presente e construir nosso futuro”, garante a docente.

COMPARTILHE
TAGS
Prefeitura de chapecó
Fapesc
Ceom

LEIA TAMBÉM