Lato sensu e Stricto sensu

Quais as vantagens de fazer uma pós-graduação?

14/11/2019
Por: Bruna Gatto
Foto: Alessandra Dias

Quais as vantagens de fazer uma pós-graduação?

 

Muitas pessoas interrompem os estudos em diferentes fases da sua formação, seja no Ensino Fundamental, Médio ou mesmo na graduação. Às vezes é por uma questão financeira ou por dificuldades de se encaixar em uma área específica. 

 

Quer saber por que é tão importante fazer uma graduação? Clique aqui e saiba das vantagens do curso superior.

 

Crescer na carreira profissional e adquirir conhecimento, aumentar suas competências e qualificações é o sonho de muitas pessoas, mas para isso é preciso entender como conquistar espaço no mercado de trabalho ou na empresa que você já trabalha. Para as pessoas que abandonaram os estudos, alguns buscam por bons motivos para voltar à rotina da sala de aula, não é mesmo? E com a construção da sua vida acadêmica você tem maiores oportunidades de conquistar espaço no mercado de trabalho, preparar seu currículo para aquele emprego tão sonhado, ter um salário melhor ou até mesmo descobrir outras áreas de interesse e oportunidades que, antes, sem esses estudos, não seria possível.

Trabalhar com uma remuneração justa que proporcione uma boa condição de vida é um dos objetivos, afinal ninguém gosta de se preocupar com as contas, certo? Para conseguir um salário considerado bom, muitos profissionais buscam aprender cada vez mais sobre algumas áreas da profissão que escolheram e investem em uma especialização, o que pode ser uma boa opção já que muitas empresas procuram por profissionais com esse perfil: com relevante conhecimento sobre a sua profissão e ainda mais específico e aprofundado sobre uma área ou tema dentro do seu campo de atuação. 

Essas condições somente são alcançadas com a formação continuada, ou seja, algo que está ao alcance daqueles que se interessam em aprender cada vez mais.

 

Por que fazer uma pós-graduação?

 

Depois de concluir uma graduação, o estudante poderá optar por fazer uma especialização. Isso, além de garantir a sua qualificação, poderá possibilitar melhores oportunidades no mercado de trabalho. Assim, exigir uma posição melhor na empresa ou conversar sobre um aumento de salário pode ficar mais fácil, visto que os postos de trabalho mais privilegiados são conquistados por aqueles com maiores conhecimentos e melhores currículos.

Algumas empresas têm buscado o Ensino Superior como pré-requisito para a ocupação de determinadas vagas. No entanto, isso não impede que, futuramente, a empresa exija, ainda, uma especialização na área, por exemplo. 

 

Você sabe os motivos que podem garantir um bom salário? Clique aqui e confira.

 

O objetivo da especialização é qualificar ainda mais os profissionais para exercer o que foi estudado durante a graduação. Para ter um diferencial de mercado é preciso tornar-se ainda mais apto a atender determinadas demandas que são específicas nos setores da sociedade. Algumas especializações podem unir determinadas disciplinas ou um tema que não foi estudado ainda, mas que faz parte da área de conhecimento do curso.

Por exemplo, em áreas de Ciências Sociais, os cursos de comunicação normalmente oferecem especialização em Marketing, Branding, TV e Cinema, entre outros. Sempre são temas relacionados à formação básica das diferentes graduações da área.  

Aqui na Uno os estudantes contam com a Clínica Integrada de Atendimento Odontológico, que é referência no estado. O profissional que se forma em Odontologia, por exemplo, poderá se especializar na pós-graduação Lato sensu em Ortodontia ou Implantodontia, com todos os diferenciais do mercado e sendo apresentado a ele todas as tendências destas áreas. Isso também ocorre em outras áreas que abrem portas para novas possibilidades de atuação no mercado, como as especializações em Engenharia de Segurança do Trabalho, Levantamentos Geodésicos e Georreferenciamento de Imóveis Rurais e Urbanos, entre muitas outras.

Não é possível realizar uma pós-graduação antes de ter concluído um curso de graduação, já que a pós é uma forma de aprofundar determinada área que o profissional já teve acesso na graduação ou gostaria de ter conhecimento. 

 

Quais os diferentes tipos de pós-graduações?

 

Agora já sabemos que possuir uma graduação e até uma especialização pode alavancar muito sua carreira ou dar aquela ajudinha para começar uma. Mas você sabia que as pós-graduações se dividem em Lato sensu e Stricto sensu?

As pós-graduações Lato sensu são as chamadas de especializações e são focadas em áreas específicas do seu curso de formação.

O MBA, em inglês Master Business Administration, também é uma especialização Lato sensu. A diferença é que a pós é uma especialização em uma área específica, já o MBA é voltado, normalmente, aos campos dos negócios, da gestão e da administração, mas também há essas especializações nas áreas da saúde e comunicação. 

As pós-graduações são programas de educação de nível superior voltados à continuação da formação acadêmica e se destinam a atualização, incorporação de competências técnicas e o desenvolvimento de perfis profissionais voltados ao aprimoramento da atuação profissional. 

Já as pós-graduações Stricto sensu incluem os cursos de mestrados e doutorados, que você já deve ter ouvido falar. A formação em mestre ou doutor em uma área é o que difere você dos outros profissionais. 

A formação de mestres e doutores visa levar o estudante a um alto padrão de competência científica ou técnico-profissional. Essa formação de pesquisadores pode estar voltada para uma atuação mais focada em universidades e centros de pesquisa ou mais voltada para o campo do trabalho fora das universidades, sobretudo, nas empresas de diversas naturezas.

Sabe quando alguém fala que é mestre em Direito ou mestre em Educação? Então, esse profissional possui formação em uma pós-graduação Stricto sensu em nível de mestrado. Funciona da mesma forma para doutorado, em que o profissional é doutor em uma determinada área.

Segundo o MEC, não é uma exigência de formação em Stricto sensu para poder ministrar aulas, mas algumas instituições de ensino, em especial as universidades e faculdades, têm optado por profissionais com estas titulações para comporem os quadros docentes. 

 

Quer saber como funciona a avaliação do MEC? Clique aqui e confira como uma universidade pode ser nota máxima.

 

Se você é uma daquelas pessoas que sempre busca novos cursos e quer se manter atualizado, continuar estudando é uma boa opção. Após concluir uma graduação, você pode ou não cursar uma especialização antes de um mestrado. Não é pré-requisito na hora da matrícula. Um profissional formado poderá se especializar, fazer um mestrado e ainda se tornar um doutor - e optar por fazer todas as pós-graduações na mesma área de estudo ou ainda em áreas diferentes.

Os profissionais com experiência e formação em cursos de pós-graduações com especialização mestrado ou doutorado, são valorizados pelos empregadores e, consequentemente, têm mais possibilidades de contratação. O segredo é nunca parar de estudar, até porque estudo e conhecimento nunca são demais, não é mesmo? 

Aqui na Unochapecó você pode encontrar opções de pós-graduações, pois somos uma Universidade, ou seja, você não precisar trocar de instituição para fazer um novo curso seja em nível de graduação, pós-graduação Lato sensu (especialização) ou Stricto sensu (mestrado e doutorado).

 

 

Ficou com alguma dúvida sobre Lato sensu ou Stricto sensu ou como funcionam as pós-graduações? Deixe nos comentários que a gente responde pra você :)

 

 

comments powered by Disqus